WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
novo uniao supermercados








junho 2024
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

drupal counter

:: ‘Serie D’

Série D terá mais oito clubes em 2016

CBF

Índice

A Série D do Campeonato Brasileiro ganhou uma novidade para a edição de 2016. Com o objetivo de integrar cada vez mais clubes ao calendário anual das competições, oito agremiações foram incorporadas ao torneio deste ano. Assim, a Série D passa a ser disputada com 48 times.

Para a distribuição das oito vagas criadas, levou-se em consideração o Ranking Nacional das Federações de 2016. Com isso, o futebol paulista vai ser o mais beneficiado, pois ganhou duas das oito vagas e agora terá quatro participantes na Série D deste ano. As vagas restantes vão ser distribuídas entre seis Estados. São eles: Minas Gerais e Rio de Janeiro, que passarão a ter três times na Série D, além Ceará, Rio Grande do Norte, Alagoas e Pará, todas agora com duas equipes na quarta divisão nacional, como já ocorria com Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Paraná, Pernambuco, Goiás e Bahia.

Com a novidade, o sistema de disputa será alterado para 12 grupos de quatro clubes cada, com jogos de ida e volta dentro do grupo. Classificam-se para a segunda fase os dois primeiros de cada grupo e os oito melhores terceiros colocados, totalizando 32 clubes. A partir da segunda fase, a competição será disputada através do sistema mata-mata até a sua conclusão.

Em nota oficial, CBF nega que tenha intenção de extinguir Brasileiro Série D

Globo Esportes

Índice

A CBF divulgou, nesta sexta-feira, uma nota em que nega a intenção de extinguir a Série D do Campeonato Brasileiro. Na última quarta-feira, o presidente da Federação de Futebol de Mato Grosso do Sul (FFMS), Francisco Cezário de Oliveira, revelou que a entidade máxima do futebol brasileiro estudava uma proposta de classificar os campeões estaduais diretamente para a Série C – excluindo-se aqueles que estão nas divisões superiores. Na ocasião, a CBF se limitou a dizer que analisava a mudança.

Na nota, a entidade reforça que “não há qualquer movimentação neste sentido (de extinção da Série D”, mas que “recebe e analisa projetos e sugestões formais de melhorias, sempre com abertura para novas ideias e diálogo com os clubes, federações e a sociedade”.

FBF esclarece definição de acesso à Série D através do Baianão 2016

FBF

3818,fbf-esclarece-definicao-de-acesso-a-serie-d-atraves-do-baianao-2016-3

A Federação Bahiana de Futebol (FBF) vem a público, na noite desta quarta-feira (2), esclarecer para os torcedores e a imprensa a definição do acesso à Série D do Brasileirão através do Baianão 2016. A entidade, sem poder alterar a fórmula de disputa em virtude de vedação legal (Estatuto do Torcedor), procurou fazer melhorias nos critérios de vantagens e acesso à quarta divisão do Brasileirão.

Em relação às vantagens de mando de campo e resultado final nas fases de mata-mata, ficou estabelecido que será sempre observada a campanha de cada clube em todas as fases anteriores.

Já para os acessos, a FBF propôs que o campeão do Baianão ficasse com as vagas na Copa do Nordeste, Série D, com exceção de Bahia e Vitória, que disputam outras séries, e Copa do Brasil. O Vice-campeão ficaria com uma vaga na Copa do Nordeste, Série D, caso o campeão não alcançasse tal direito e também com exceção de Bahia e Vitória, e na Copa do Brasil. O 3º colocado levaria a vaga na Copa do Nordeste e na Série D, nesta última no caso de não disputar outras séries do Brasileirão e se o campeão e o vice não alcançassem tal direito. Assim, a disputa do 3º e 4º lugares se daria apenas para a definição da terceira vaga na Copa do Nordeste.

O objetivo da FBF, com essa proposta, era evitar distorções, como a possibilidade do campeão e vice, não sendo Bahia e Vitória, não acessarem a Série D do Brasileirão, com tal direito conferido ao terceiro e quarto colocados, algo considerado injusto por grande parte dos torcedores baianos. Mas, dentro do espírito democrático que sempre conduziu a administração da atual gestão da entidade, a proposta foi levada à votação entre os 12 clubes participantes da Série A do Baianão. À exceção do Vitória da Conquista e Fluminense de Feira, que representaram 12 votos, todos os demais clubes votaram pela manutenção dos mesmos critérios utilizados no Baianão 2015, no que diz respeito às definições de acesso à Série D, Copa do Nordeste e Copa do Brasil, totalizando 66 votos contrários.

Em nota oficial, publicada na íntegra abaixo, a entidade máxima do futebol na Bahia explica detalhadamente sua proposta, que não foi escolhida pela maioria dos clubes.

Com 10, Botafogo-SP segura o River e é campeão da Série D

Ogol

622_a2d1b7a3-3bc5-323a-b858-9ddef4ddb969

O Botafogo de Ribeirão Preto é o campeão da Série D. A Pantera fez valer a vantagem sobre o River-PI no jogo de ida e comemorou o título no Albertão com empate sem gols, e com um jogador a menos.

O primeiro jogo entre as equipes, em Ribeirão Preto, havia terminado com vitória dos donos da casa por 3 a 2, com Francis em grande dia, autor dos três gols da sua equipe. O Botafogo viajou com a vantagem do empate ao Piauí, o que acabou por ser decisivo.

No Albertão, o Galo Carijó teve o domínio na maior parte do tempo, mas não soube o que fazer com a bola. Neneca teve pouco trabalho na primeira etapa, enquanto o Botafogo ameaçou nas bolas paradas.

No segundo tempo, César Gaúcho acabou por ser expulso logo aos 10 minutos, deixando o time visitante com problemas para administrar o placar. O River foi para cima e tentou de todas as formas superar a barreira do time paulista. Quando conseguia, Neneca estava lá para fazer a defesa.

O Botafogo segurou o 0 a 0 até o fim e comemorou o título da Série D.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Série D? Copa do Brasil? Clubes do interior ainda não sabem qual torneio nacional é melhor

Bahia Notícias

xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.JHj42D3Ct3

Realizada desde 2009, a Copa Governador do Estado da Bahia veio para substituir a antiga Taça Estado e tem o Vitória da Conquista como maior campeão, com quatro títulos, seguido do Bahia de Feira e do Fluminense de Feira, com uma conquista cada. Essa copa é uma das alternativas para preencher um problema de calendário que os clubes têm que conviver, como defende Ednaldo Rodrigues, presidente da FBF (Federação Bahiana de Futebol). “A proposta desse campeonato é dar um calendário a essas equipes. Apesar de não ter grande importância e visibilidade, dá uma vaga num campeonato nacional (Copa do Brasil ou Série D)”, declarou, em entrevista ao Bahia Notícias.

Apesar do poder de escolha por parte do campeão, os dirigentes dos clubes participantes (Bahia de Feira, Fluminense de Feira e Juazeirense, além do Bahia) ainda se dividem e não sabem ainda qual competição participar, caso o título venha. Thiago Sousa, presidente do Bahia de Feira, foi o mais incisivo: “A série D é um campeonato deficitário, nós praticamente pagamos para jogar”, reclamou. Já os dirigentes de Fluminense de Feira e Juazeirense estão divididos. Gerinaldo Costa, presidente do Touro do Sertão, diz que ainda não tem um planejamento certo, caso venha a ser campeão. “Se o título vier, a diretoria sentará para escolher entre Série D e Copa do Brasil. Levaremos também em consideração a opinião do torcedor”, comentou. Situação parecida vive o diretor da equipe de Juazeiro, Sérgio Fernandes. O dirigente disse que, apesar da dúvida, acredita que o clube escolheria disputar a Série D: “A CBF anunciou algumas mudanças no regulamento. Isso pode nos beneficiar”. Os clubes classificados para o torneio em 2016, estarão presentes também em 2017, já garantindo calendário fixo para uma série de clubes.

“A série D dá um calendário para essas equipes. A FBF dá um aporte financeiro para auxiliar os clubes, quando eles jogam fora do estado. Esse é o objetivo da Federação. Para o próximo ano, nós iremos apoiar mais ainda”, comentou Ednaldo. Perguntado sobre os valores, o mandatário preferiu não comentar, pois é uma ‘negociação feita com cada clube’. O campeonato está previsto para terminar no próximo dia 29. O mandatário da FBF considera que o balanço da competição é ‘favorável’, já que o propósito de dar um calendário para essas equipes está sendo concretizado.

Nos jogos de volta das semifinais, que acontecem neste sábado (14), as equipes já estão preparadas. Em situação diferente dessas equipes do interior, o Bahia jogará em Senhor do Bonfim, contra a Juazeirense. A equipe da capital já tem vaga na Copa do Brasil, por ter sido campeã baiana e jogará a Série A ou a Série B, em 2016. O tricolor perdeu no jogo de ida por 0x1, no último sábado (7), no Estádio de Pituaçu. O técnico do time, Aroldo Moreira, não irá comandar o time na partida contra o Cancão, mas acredita na equipe, e diz que a preparação vem sendo feita. O time será comandado por seu auxiliar, Manoel Alex. Já Sérgio Fernandes, confia na classificação. “A preparação vem sendo feita, mas nada está ganho ainda. O Bahia tem uma camisa pesada, mas estamos confiantes. Apesar de estarmos jogando em Bonfim, acredito que a torcida de Juazeiro comparecerá em peso. Alguns ônibus fretados vêm de lá”, revelou.

Em Riachão do Jacuípe, haverá o duelo dos times de Feira, sendo que o Fluminense saiu na frente. Com o placar de 2×0 no primeiro jogo, o Touro vive um momento de retomada da sua história. Único clube do interior baiano a ganhar 2 títulos estaduais (1963/69), o clube também foi finalista da Série C de 1992, quando caiu para a Tuna Luso. Fora Bahia e Vitória, é o único time do estado a decidir o título de uma competição nacional. No jogo de volta da Copa Estado, o presidente do clube coloca toda sua fé na classificação. “O Bahia de Feira é um time jovem, mas estamos bastante confiantes”.

No Bahia de Feira, o discurso é mais cauteloso. O Tremendão, que foi campeão baiano em 2011, dentro do Barradão, contra o Vitória, tem que reverter um placar bastante desfavorável. “Não mudamos nossa preparação só por um resultado adverso. Iremos lutar até o fim”, ponderou Thiago Sousa.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n1

Clubes classificados para o Brasileiro Série D 2016 terão participação garantida também em 2017

CBF

Índice

A Confederação Brasileira de Futebol divulgou o ofício 777/2015, com mudanças para a escolha dos times que disputarão a Série D do ano de 2017. Segundo o documento, assinado pelo diretor de competições, assinado pelo dirigente Manoel Flores, “os clubes que obtiverem classificação para disputar a Série D de 2016 também serão os representantes das suas respectivas federações na edição de 2017, podendo, no entanto, ser realizado um torneio seletivo, no segundo semestre de2016, pelas federações de tenham direito a uma vaga, para definição do seu clube
classificado para 2017.

As federações que tenham direito a duas vagas poderão utilizar o Torneio Seletivo para indicar seu segundo representante na edição de 2017. Na hipótese da concessão de vaga via Torneio Seletivo, esse torneio necessariamente deverá ser disputado por um número mínimo de quatro clubes e todos os participantes devem pertencer à 1ª Divisão de Profissionais no ano anterior ao campeonato que se destina a vaga.

O prazo final para definição dos representantes de cada federação para a edição de 2017 é 31/10/16.

A partir de 2017 os clubes classificados pelos seus estaduais ou seletivos em um determinado ano disputarão o Campeonato da Série D do ano seguinte.

Serie D: Canela marca no fim, e Bota-SP vence o Remo: 1 a 0

CBF

20151026085202_0

Botafogo-SP e Remo se enfrentaram na noite deste domingo (25) no Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto, pelo primeiro jogo entre as equipes nas semifinais da Série D do Campeonato Brasileiro. Com um gol de Canela, o time paulista venceu por 1 a 0 e está com a vantagem no confronto. O jogo de volta entre as equipes será no próximo domingo (01), no Mangueirão, em Belém, às 20h.

Com os goleiros Neneca, do Botafogo, e Fernando Henrique, do Remo, fazendo grandes defesas durante o confronto, o gol só saiu aos 40 minutos do segundo tempo. Samuel Santos cruzou da direita, Nunes cabeceou, e Fernando Henrique conseguiu espalmar de forma espetacular. Porém, no rebote, Canela apareceu para mandar para o gol vazio: 1 a 0.

Na outra semifinal da Série D, no sábado (24), o River-PI venceu por 2 a 0 a primeira partida diante do Ypiranga-RS, no Alberto Silva, em Teresina. As equipes jogarão novamente no próximo sábado (31), às 17h, no Colosso da Lagoa, em Erechim.

11990482_677264472375720_7526595543322411409_n

CBF divulga tabela de jogos que definem acesso à Série C do Brasileiro

Globo Esportes

21207950239_f6c64f5e0a_k_1

A CBF divulgou nesta segunda-feira a tabela com datas, horários e locais dos confrontos válidos pelas quartas de final da Série D do Campeonato Brasileiro, os quais definirão os quatro times que, em 2016, estarão na Série C.

O primeiro duelo será no sábado, entre Operário-PR e Remo, às 19h30, no estádio Germano Kruger. No domingo, o Botafogo-SP, time de pior campanha dentre os oito classificados, recebe o São Caetano no estádio Santa Cruz, às 19h.

Os outros dois jogos ocorrem na segunda-feira. O River-PI enfrenta o Lajeadense-RS, às 16h30, no Albertão, e a Caldense enfrenta o Ypiranga-RS, às 19h, no Ronaldão. Os jogos de volta serão entre os dias 16 e 19 de outubro.

Os confrontos seguem o mesmo regulamento da Copa do Brasil. São jogos de ida e volta, com a vantagem do gol marcado fora de casa. Em caso de resultados iguais, sendo mesmo número de gols nas duas partidas (2 x 1 e 1 x 2; ou 1 x 1 e 1 x 1), a decisão será no pênaltis.

SÉRIE D: São Caetano e Botafogo ficam em vantagem nas oitavas de final

Futebol Interior

img-20150927-wa0023

São Caetano e Botafogo, os dois representantes de São Paulo, nas oitavas de final do Campeonato Brasileiro da Série D, largaram bem neste domingo nos jogos de ida. Mesmo atuando em Alagoas, o Azulão enfiou 3 a 0 no Coruripe, e agora pode perder na volta, no outro domingo, por até dois gols de diferença. Enquanto isso, o Botafogo, em Ribeirão Preto, também fez 3 a 0 sobre o Crac, de Catalão (GO), e na volta também pode perder por 2 a 0. Esta fase foi aberta sábado com dois jogos e completada domingo com mais seis.

Com muita aplicação e eficiência, o São Caetano dominou o jogo desde os primeiros minutos e marcou seus gols com Neto, Robson, de pênalti, no primeiro tempo, e Jô, na etapa final. Agora terá a semana toda para a volta, porque o jogo será disputado domingo.

No estádio Santa Cruz, o Botafogo fez um primeiro tempo perfeito, quando marcou seus três gols, com Canela, de cabeça, Caio Ruan e Nunes, também de cabeça. Na volta pode perder por 2 a 0 ou dois gols de diferença, desde que faça gol fora. O segundo jogo está marcado para sexta-feira, dia 2, às 19 horas, no interior goiano.

Além do time do ABC paulista só o Ypiranga-RS venceu fora. Fez 1 a 0 sobre o Rio Branco, na Arena da Floresta, na capital do Acre. O time gaúcho ficou com a vantagem de atuar pelo empate na volta, no dia 4, domingo, às 15 horas, em Erechim (RS).

O outro time gaúcho, o Lajeadense fez 4 a 0 sobre o Central-PE, na cidade de Lajeado. E pode perder na volta, em Caruaru, no interior de Pernambuco, até por um gol de diferença.

Campeão paranaense, o Operário, de Ponta Grossa, em casa fez 1 a 0 sobre o Campinense-PB, levando a vantagem do empate para o jogo de volta em Campina Grande, na Paraíba. Em Sergipe, o Estanciano ganhou do River, por 2 a 1, mas na volta terá que segurar o empate, porque sofreu um gol fora de casa. A vitória do time piauiense por 1 a 0 vai lhe dar a vaga nas quartas. OU então uma vitória com gol do visitante, mas por dois gols de diferença, tipo 3 a 1.

Disputado pelo sistema mata-mata, os 16 times estão divididos em oito grupos de dois. Eles jogam entre si duas vezes. O time de melhor classificação na fase inicial leva a vantagem de decidir em casa. Mas o gol fora continua sendo importante para o critério de desempate. Dos oito jogos de volta, um será disputado sexta-feira, dois sábado e cinco domingo.

CBF define divulga datas e horários das oitavas de final da Série D

Futebol Interior

Índice

A CBF divulgou nesta terça-feira (15), as datas e horários dos confrontos de ida e de volta das oitavas de finais da Série D do campeonato brasileiro. Entre os classificados para o mata-mata estão dois times de São Paulo: o São Caetano, que, por ter a melhor campanha da primeira fase, decide em casa a vaga contra o Coruripe, e o Botafogo de Ribeirão Preto, que fez uma campanha pior e joga a primeira contra o Crac-GO, diante do seu torcedor.

Confira as datas e horários dos confrontos

Ida
26/09
16:00
Palmas-TO x Remo-PA
19:00
Caldense-MG x Rio Branco-ES
27/09
15:30
Operário-PR x Campinense-PB
16:00
Coruripe-SE x São Caetano-SP
Estaciano-SE x River-PI
16:30
Botafogo-SP- x Crac-GO
19:00
Lajeadense-RS x Central-PE
Rio Branco-AC x Ypiranga-RS
Volta
02/10
19:00
Crac-GO x Botafogo-SP
03/10
16:00
Remo-PA x Palmas-TO
16:30
Rio Branco-ES x Caldense-MG
04/10
15:00
Ypiranga-RS x Rio Branco-AC
16:00
Campinense-PB x Operário-PR
São Caetano-SP x Coruripe-SE
Central-PE x Lajeadense-RS
17:00
River-PI x Estanciano-SE

outdoor_pq













comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia