WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
novo uniao supermercados








junho 2024
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

drupal counter

:: ‘TOP’

Brasil volta ao top-10 de ranking da Fifa ao passar por Honduras e Chile

Globo Esportes

neymar_mowa6

Novidades no ranking mensal da Fifa de novembro, divulgado nesta quinta-feira. O Brasil reapareceu no grupo dos dez melhores graças às vitórias sobre Honduras e Chile, em amistosos disputados nas últimas semanas, nos Estados Unidos e Canadá. A seleção comandada por Luiz Felipe Scolari ganhou uma posição ao aparecer com 1.102 pontos, ultrapassando Bélgica (11º, com 1.098) e Inglaterra (13º, com 1.041), mas sendo alcançada por Portugal.

Do primeiro pelotão, os portugueses foram os que apresentaram maior evolução no último mês. A classificação para a Copa do Mundo com dois triunfos sobre a Suécia rendeu o quinto lugar para Cristiano Ronaldo e companhia – terminaram outubro, por exemplo, em 14º, com 1.036 pontos. Agora aparecem com 1.172, perto da Colômbia, terceira, com 1.200. Espanha, Alemanha e Argentina continuam ocupando os três primeiros postos.

É importante ressaltar, porém, que o ranking de novembro não influenciará em nada no sorteio da fase de grupos da Copa do Mundo de 2014, a ser realizado no próximo dia 6 de dezembro, na Costa do Sauípe, na Bahia. Os cabeças de chave já estão definidos: Brasil (país-sede), Espanha, Alemanha, Argentina, Colômbia, Bélgica, Uruguai e Suíça. Equipes como Holanda, Itália, Inglaterra, Portugal e França estarão em outros potes.

Confira o top-10 do ranking da Fifa de novembro:
1) Espanha – 1.507
2) Alemanha – 1.318
3) Argentina – 1.251
4) Colômbia – 1.200
5) Portugal – 1.172
6) Uruguai – 1.132
7) Itália – 1.120
8) Suíça – 1.113
9) Holanda – 1.106
10) Brasil – 1.102

Após título, Brasil deve voltar ao top 10 do ranking da Fifa

Terra

thiagosilvaneymar3006parte15matsu

O título da Copa das Confederações, conquistado no último domingo após vitória sobre a Espanha, deverá fazer a Seleção Brasileira voltar ao top 10 das melhores seleções do ranking da Fifa. A atualização será anunciada nesta próxima quinta-feira, através do site oficial da entidade.

As vitórias sobre França, em amistoso antes da competição, Japão, México, Itália, Uruguai e Espanha deram 8657,34 pontos ao time nacional somente neste mês de junho. Fazendo a média dos últimos meses e dos últimos dois anos, como faz a Fifa, é provável que a equipe fique na nona colocação, com 1095 tentos.

Vale lembrar que a Seleção estava na modesta 22ª posição, próxima de Montenegro, Mali, Noruega etc., seleções que nunca estiveram próximas de ganhar uma Copa do Mundo. Enquanto isto, a Colômbia, embalada pelo bom momento no futebol sul-americano, consolidava-se no top 10.

Mas o título ainda deixa os comandados de Felipão muito distantes da seleção espanhola, que lidera com folga, com 1532 tentos. Alemanha e Argentina completam o ‘pódio’ do ranking da Fifa, criado em 1993 – o Brasil é o país que liderou a lista por mais tempo desde então.

O próximo compromisso canarinho está marcado para o dia 14 de agosto, contra a Suíça, fora de casa, na Basileia. Já no dia 10 de setembro, os brasileiros enfrentarão Portugal, ex-time de Felipão, em Boston, nos Estados Unidos.

Vitória da Conquista está no top 100 do ranking da CBF

Por Luciano Pina

download (1)

O novo ranking nacional de clubes, divulgado pela CBF nesta sexta (21), deu aos torcedores do Vitória da Conquista motivos para comemorar. O Bode aparece na 98ª colocação sendo superado apenas pelo Vitória (15ª), Bahia (16ª) e Bahia de Feira (86ª).

Outros times baianos mais bem colocados são: Fluminense de Feira (138ª), Feirense (142ª), Atlético de Alagoinhas (168ª), Camaçari (188ª) e Itabuna (203ª)

Os critérios são as participações e títulos das equipes de todo o Brasil em competições de 2008 a 2012, com variação de pesos crescente entre as temporadas.

Bellucci sobe 53 posições no ranking, e Brasil volta a ter três tenistas no top 100

Fonte: Glob Esportes


Thomaz Bellucci com a taça do ATP de Gstaad

O título no ATP de Gstaad, o primeiro de sua carreira, fez com que o brasileiro Thomaz Bellucci subisse 53 posições no ranking mundial de tênis. Ele agora é o 66º da lista. Com isso, o Brasil volta a ter três representantes no top 100: Marcos Daniel (58º) e Thiago Alves (94º). O suíço Roger Federer segue na liderança, seguido pelo espanhol Rafael Nadal.

A última vez que o Brasil teve três tenistas entre os cem melhores do mundo foi no dia 23 de junho de 2003, quando Gustavo Kuerten ainda jogava. Ele era o 13º. Flávio Saretta (60º) e André Sá (84º) completavam o trio.

A vitória de Bellucci fez ainda com que o país quebrasse um jejum de cinco anos. A última vez que um brasileiro tinha vencido um torneio da ATP fora em 2004, com Ricardo Mello, em Delray Beach, nos Estados Unidos.













comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia