WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
vitoria da sorte





vitoria da sorte

setembro 2020
D S T Q Q S S
« ago    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  



drupal counter

lojas nacional

Definida a arbitragem para Frei Paulistano e Vitória da Conquista pela Serie D

Da Redação

A CBF anunciou a escala de árbitros para o confronto entre Frei Paulistano e Vitória da Conquista, que acontece neste domingo (27), às 16 horas, no estádio Titão, em Frei Paulo – SE, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro da Serie D.

Apita Rudimar Goltara (ES), auxiliado por Renner Lisboa dos Santos e Tâmara Nayara Muhlstedt Souza. O quarto árbitro será Jackson Ribeiro de Souza Sobrinho, todos de Sergipe.

O Touro do Agreste estreou com um empate contra o Potiguar-RN, pelo placar de zero a zero. Já o Bode bateu o Coruripe, pelo escore de dois a zero.

Confira os outros jogos do Grupo 4:
Sábado
16:00
Coruripe-AL x Potiguar-M-RN
Domingo
15:15
Central-PE x Itabaiana-SE
16:00
ABC-RN x Jacyobá-AL

Atlético de Alagoinhas anuncia transferência do volante Lucas Alisson para o Fortaleza

Bahia Notícias

O Atlético de Alagoinhas anunciou a transferência do volante Lucas Alisson para o Fortaleza. O jogador, de 21 anos, vai assinar contrato com o clube cearense até o final de 2021 para a disputa do Campeonato Brasileiro de Aspirantes, podendo também ser utilizado no time principal comandado pelo técnico Rogério Ceni.

A transação é fruto de uma parceria do Carcará com o Tricolor do Pici. O clube baiano manterá 30% dos direitos econômicos de Lucas Alisson, que foi um dos destaques do time na campanha do vice-campeonato estadual. Ele disputou sete jogos e marcou um gol pela equipe de Alagoinhas.

Integrante do Grupo A, o Fortaleza estreia no Brasileiro de Aspirantes no dia 18 de outubro, um domingo, contra o Vila Nova, pela primeira rodada. Enquanto o Atlético de Alagoinhas, que disputa a Série D do Brasileiro, tenta a reabilitação neste sábado (26), às 19h30, após derrota no primeiro compromisso. O Carcará visita a Caldense-MG, em Poços de Caldas, pela segunda jornada do Grupo A6.

CBF se incomoda com aliança Ferj-Fla

Uol

Mais emblemática do dia, a derrota no âmbito da CBF “doeu” mais na cúpula rubro-negra. Internamente, a diretoria não acreditava na negativa da confederação no pedido de adiamento do jogo contra o Palmeiras.

Os rubro-negros, no entanto, sabem que o desgaste em reunião – pela volta de público – no início da noite de quinta-feira (24) contribuiu para o desalinhamento de ideias. O Flamengo ficou ao lado do presidente da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janero (Ferj), Rubens Lopes, na áspera discussão com o presidente da CBF, Rogério Caboclo. Ofensas e outras baixarias marcaram o debate.

Desde o início da pandemia, em todos os embates que a diretoria do Flamengo travou nos bastidores conseguiu ter resultados positivos, mesmo que com algumas adaptações. O Rubro-Negro foi um dos principais clubes a se mostrar favorável ao retorno aos treinos presenciais e, posteriormente, aos jogos do Campeonato Carioca.

Nesta discussão, teve o apoio do Vasco, da Prefeitura do Rio, dos clubes de menor investimento e da Ferj. Do outro lado, viu Botafogo e Fluminense se mostrarem contrários ao retorno.

No vácuo da discussão da pandemia, o Fla ainda encabeçou o movimento pela Medida Provisória que alterou a configuração dos direitos de transmissão do esporte brasileiro, que ficou conhecida, inicialmente, como “MP do Flamengo” e, depois, como “MP do Mandante”.

Antes celebrado e com a confiança da cúpula, o protocolo passou a ser colocado em xeque diante do alto número de contaminados. Além disso, as baixas acontecem em meio às tentativas do técnico Domènec Torrent em fazer o time engrenar.

A vitória sobre o Barcelona de Guayaquil, na última terça-feira, diminuiu a pressão, mas os resultados mais recentes, principalmente a goleada sofrida para o Independiente del Valle, ainda assombram.

Conmebol veta pedido do Flamengo por mais dez inscrições na Libertadores

Lance

Nesta quinta-feira, o Flamengo solicitou a inscrição de mais dez jogadores para a disputa da Libertadores desta edição. A entidade, contudo, vetou o pedido do Rubro-Negro, de prontidão. A informação inicial é do jornalista Pedro Henrique Torre, da “ESPN Brasil”.

Todos os nomes que seriam acrescentados eram garotos da base do Fla. São eles: Otávio, Ítalo Pablo Maldini, Richard Ríos, Yuri Oliveira, Rhyan, Weverton, Carlos Daniel, Danilo e Ryan Luka.

A Conmebol negou o pedido do Flamengo, que convive com um surto de Covid-19 entre jogadores, membros da comissão técnica, dirigentes e até do departamento médico. O motivo alegado: o prazo final para a lista de 50 atletas terminou no dia 14 de setembro.

Cabe destacar que, por conta da pandemia, em meio à paralisação dos jogos mundo agora, os clubes obtiveram o direito de estender a lista para 50 atletas. O Flamengo, contudo, só inscreveu 34 jogadores, ao todo (veja os inscritos abaixo).

O próximo jogo do Flamengo pela Libertadores ocorrerá nesta quarta-feira (30), às 21h30, no Maracanã. Com 16 jogadores infectados pela Covid-19 (confira os nomes), atualmente, o Rubro-Negro ainda aguarda o adiamento do confronto deste domingo, este pelo Brasileiro, diante do Palmeiras, junto à CBF. A aguardar os próximos capítulos.

Reunião sobre público na Série A acaba sem decisão e com briga entre presidentes da CBF e da Ferj

O Globo

A reunião entre CBF e clubes, da qual participaram os presidentes das federações estaduais, terminou em bate-boca.

O GLOBO apurou que o desfecho foi uma discussão ríspida entre o presidente da CBF, Rogério Caboclo, e o presidente da Ferj, Rubens Lopes. O secretário-geral da entidade, Walter Feldman, precisou intervir e encerrar o encontro, cujo objetivo inicial era debater a volta do público aos estádios.

Rubens Lopes chegou a dizer que o presidente da CBF tinha “esquecido de tomar o Gardenal” (um remédio).

Antes do ápice da tensão, os clubes divergiram em relação ao tema principal. Para o Flamengo, por exemplo, os dirigentes não deveriam tomar uma decisão sobre volta ou não, deixando isso a cargo das autoridades. O clube cuja cidade tivesse permissão para presença de torcida, deveria usufruir disso.

Palmeiras e Corinthians, por outro lado, estavam no bloco oposto, reforçando a ideia defendida pela maioria de que só deve ser adotada a presença de público de forma igualitária.

O presidente da Ferj, Rubens Lopes, levantou uma questão técnica e ponderou que a reunião nem poderia votar qualquer assunto porque não foi convocada no formato de conselho técnico – que é o fórum para debates de regulamentos da Série A. Rubinho também queria mais tempo para discursar e chegou a deixar claro a falta de democracia na reunião.

Antes dos momentos ríspidos com Caboclo, houve discussão entre Rubinho e o presidente do Athletico, Mário Celso Petraglia. O dirigente paranaense até citou a quantidade de governadores do Rio presos recentemente. Petragla entrou no debate mais uma vez em ocasião posterior, criticando tanto Rubinho quanto Caboclo.

CBF define número mínimo de atletas saudáveis para jogo do Brasileirão acontecer

Terra

Nesta quinta-feira, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) divulgou uma nota oficial na qual relata as decisões tomadas em uma videoconferência que contou com a presença de representantes dos 20 times que disputam o Campeonato Brasileiro. Dentre os assuntos discutidos, foi definido o número de 13 jogadores saudáveis como o mínimo necessário para uma partida ser realizada.

Mais cedo, o Flamengo ingressou no Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) e requereu o adiamento do jogo contra o Flamengo, marcado para o domingo, às 16h, no Allianz Parque. O órgão definiu que a CBF tem até 24 horas para tomar uma decisão sobre a suspensão ou não do confronto.

Além disso, a CBF propôs na videoconferência a possibilidade do número máximo de jogadores inscritos no Brasileirão ser ampliado de 40 para 50. Os times se manifestaram favoravelmente em relação à sugestão e a tendência é que a medida seja homologada pela entidade.

Apesar do assunto do adiamento dos jogos ser o mais comentado por conta da polêmica envolvendo o duelo entre Palmeiras e Flamengo, a videoconferência foi inicialmente marcada para a discussão sobre a volta dos públicos ao estádio em partidas da Série A.

De acordo com a nota da CBF, a grande maioria dos clubes se manifestou favoravelmente ao retorno dos públicos, contanto que haja isonomia e amparo das autoridades dos Estados e Municípios correspondentes.

CBF informa ao Flamengo que manterá jogo contra o Palmeiras apesar de surto de Covid-19

Extra

A CBF informou ao Flamengo que vai manter o jogo do clube contra o Palmeiras no próximo domingo, pelo Brasileiro. A decisão saiu no fim da noite desta quinta-feira e já foi informada aos dirigentes rubro-negros.

A entidade responde ao ofício do clube alegando que o rubro-negro tem elenco para entrar em campo. A diretoria do Flamengo, por sua vez, considerou a justificativa superficial e entende que em nada contrapõe os argumentos expostos no documento enviado à entidade.

Hoje, o Flamengo conta com 34 atletas inscritos na CBF, mas segundo o clube apenas 12 estão aptos para a partida. Nesta quinta-feira, a CBF aprovou que deve haver menos de 13 atletas para considerar adiar os jogos.

“Em linha com a jurisprudência que vem sendo construída pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol (STJD) sobre o tema, a CBF estabeleceu, com anuência da grande maioria dos clubes, o mínimo de 13 atletas não infectados para que a partida seja realizada”, disse em nota.

Agora, o Flamengo aguarda a decisão do STJD que, por sua vez, espera manifestação da CBF até esta sexta-feira.

O clube ingressou com uma medida inominada com tutela de urgência, alegando que em razão dos 16 atletas infectados com Covid-19 está em prejuízo técnico para a partida. Mas não apenas pelos jogadores infectados, mas pelo todo.

O entendimento é que não há como dizer que os atletas que ainda não testaram positivo não possam testar em seguida. O teste para o jogo será nesta sexta-feira e o resultado sairia com o time a caminho de São Paulo.

Além de todo o estafe envolvido, que teve contato com integrantes da delegação no Equador que contraíram a doença.

SÉRIE B: Chape e América de olho no líder e Cruzeiro na luta contra a degola

Futebol Interior

Chapecoense e América-MG farão confronto direto na tentativa de seguir na cola do líder da Série B do Campeonato Brasileiro. A 11ª rodada continuará nesta sexta-feira com três jogos, todos com portões fechados por conta da pandemia do novo coronavírus.

Catarinenses e mineiros somam os mesmos 17 pontos, a cinco do líder Cuiabá. Vindo de três jogos sem derrota, sendo o último com empate, por 1 a 1, com o Náutico, a Chapecoense leva vantagem sobre o América no saldo de gols (5 a 2). O América, após se classificar na Copa do Brasil, buscará a recuperação na Série B após a derrota para o Figueirense por 1 a 0.

Ainda na sexta, mas às 21h30, o Cruzeiro fará jogo pela sobrevivência contra o também ameaçado Avaí. O time do técnico Ney Franco foi derrotado pelo CSA, por 3 a 1, e parou nos oito pontos, na 15ª colocação. O Avaí, por sua vez, está dois degraus acima com dez pontos. O time do técnico Geninho apanhou de 5 a 2 do Sampaio Corrêa e chegou a quatro partidas sem vitória.

A rodada começou na terça-feira com o empate entre Operário e Cuiabá (1 a 1). Os paranaenses tentavam chegar ao G4, enquanto os mato-grossenses buscavam se manter na liderança. A rodada seguirá no sábado com quatro jogos e dois clubes paulistas em campo. O Guarani fará confronto de desesperados contra o Figueirense em Florianópolis e o Oeste visitará o Vitória.

No domingo, a Ponte Preta receberá o Confiança em Campinas. Já a partida entre Sampaio Corrêa e Náutico, que aconteceria no sábado, foi adiada pela CBF, ainda sem nova data, por conta da final do Campeonato Maranhense.

Hoje
19:15
Botafogo x CRB
Chapecoense x América-MG
21:30
Cruzeiro x Avaí
Sábado
11:00
Figueirense x Guarani
16:00
CSA x Juventude
16:30
Vitória x Oeste
18:30
Brasil-RS x Paraná
Domingo
20:30
Ponte Preta x Confiança

Atlético-GO bate o Fluminense e avança às oitavas de final da Copa do Brasil

CBF

O Atlético-GO está nas oitavas de final da Copa do Brasil! Na noite desta quinta-feira (24), o Dragão recebeu o Fluminense no Olímpico Pedro Ludovico, teve boa atuação e bateu a equipe carioca por 3 a 1, com o gol da classificação saindo aos 47 minutos do segundo tempo.

O Dragão foi melhor na maior parte do tempo da etapa inicial, teve mais posse de bola e ofereceu perigo ao gol tricolor. Logo aos nove minutos, Hyuri cruzou para a área. Muriel fez a defesa, mas acabou soltando a bola nos pés de Chico, que aproveitou e mandou para o fundo das redes. Mas o Flu teve paciência e insistência, conseguindo empatar antes do intervalo. Na marca dos 50 minutos, Egídio cobrou escanteio, o zagueiro Lucas Claro subiu entre os defensores do Dragão e cabeceou para o fundo das redes: 1 a 1.

O Tricolor equilibrou o duelo na segunda etapa. Mesmo assim, o Dragão, que precisava de mais um gol, assustou aos 27, quando Janderson mandou a bola raspando o travessão. O Flu respondeu na sequência: aos 30, Fernando Pacheco puxou contra-ataque e encontrou Nenê, que dominou e rolou para Felippe Cardoso. O atacante chutou por cima do gol. E o Dragão ficou de novo em vantagem aos 33 minutos. Janderson arriscou de fora, Muriel espalmou para o meio da área. Marlon Freitas apareceu e arrematou de primeira para fazer o segundo do Atlético. Sem desistir, o Dragão chegou ao gol da classificação aos 47 do segundo tempo. Matheus Vargas apareceu no meio da área após cruzamento e guardou. Foi a bola que colocou o Atlético nas oitavas de final da Copa do Brasil.

LIBERTADORES: Boca, Santos e Jorge Wilstermann fecham rodada com vitória

Futebol Interior

Três jogos fecharam a quarta rodada da fase de grupos da Libertadores na noite desta quinta-feira. Jorge Wilstermann, Boca Juniors e Santos venceram a deram passos importantes na briga pela classificação.

Jogando em Manta, no Equador, o Santos bateu o Delfin por 2 a 1, com gols de Marinho e Jean Mota. Mesmo atuando com um homem a mais desde o primeiro tempo, o time brasileiro não teve vida fácil, mas garantiu o importante resultado fora de casa.

Com dez pontos, o Peixe é o líder isolado do Grupo G, quatro pontos acima do Denfensa y Justicia. O Olimpia está em terceiro com cinco, e o Delfin tem apenas um ponto conquistado.

Quem também se deu bem foi o Boca Juniors. O poderoso time argentino teve dificuldades, mas bateu o Independiente, em Medellin, por 1 a 0, com gol de Salvio já aos 43 minutos da etapa final.

Com o resultado, o Boca chegou a dez pontos, na liderança isolada do Grupo H, com três pontos a mais do que o Caracas. O Libertad é o terceiro com seis e o Independiente ainda não pontuou.

A outra partida desta quinta foi a vitória do Jorge Wilstermann por 3 a 1 sobre o Peñarol. O time boliviano chegou a seis pontos e divide a segunda posição do Grupo C com o Colo Colo. O líder é o Athletico-PR, com nove.

Bayern vence o Sevilla na prorrogação e conquista a Supercopa da Europa

Globo Esportes

O Bayern de Munique conquistou nesta quinta-feira a Supercopa da Europa, ao vencer o Sevilla por 2 a 1, de virada, na decisão disputada em Budapeste, na Hungria. Foi o quarto título em 2020 do time alemão, o primeiro da atual temporada (2020/21). Na passada, faturou a Bundesliga, a Copa da Alemanha e a Champions. Goretzka e Ocampos marcaram para os dois times no tempo normal. Mas Javi Martínez garantiu o triunfo do Bayern na prorrogação.

O autor do gol da vitória – e do título – do Bayern de Munique foi o volante Javi Martínez, que entrou em campo no primeiro tempo da prorrogação. Curiosamente, ele também foi fundamental na conquista anterior da Supercopa da Europa, em 2013. Ele marcou o gol do empate em 2 a 2 com o Chelsea, nos acréscimos da prorrogação, que levou a disputa para os pênaltis. O Bayern venceu nas cobranças alternadas por 5 a 4.

O Bayern de Munique vinha de 22 vitórias seguidas no tempo normal, sendo a última uma goleada de 8 a 0 sobre o Schalke 04. O Sevilla conseguiu frear o poderoso ataque alemão, principalmente no primeiro tempo. Começou ganhando. E por muito pouco não venceu o jogo, mas o atacante En-Nesyri desperdiçou uma grande chance no fim da etapa final. O time espanhol ainda teve boas oportunidades na prorrogação, mas parou na trave.

O meia-atacante Thomas Müller foi eleito o melhor jogador da Supercopa da Europa de 2020. Ele participou do primeiro gol, marcado por Goretzka: “Estamos tão cansados depois de 120 minutos contra o Sevilla, que foi um adversário muito duro. Nós lutamos muito e mostramos como um time que temos uma mentalidade vencedora”.

Sem chances no Cruzeiro, Halef Pitbull reconstrói carreira com gols no Mito Hollyhock, do Japão

Uol

O futebol é recheado de histórias que não dão certo em um determinado clube, dando a impressão de que uma carreira pode estar sem futuro, mas que acabam com frequência em reviravoltas.

É o caso dos atacante Halef Pitbull, que foi contratado pelo Cruzeiro como atleta promissor, depois de se destacar no Vitória da Conquista-BA e depois no Santa Cruz, em 2017, então com 23 anos.

Em quatro anos de contrato com a Raposa, Halef não entrou nenhuma vez de forma oficial com a camisa celeste e teve de fazer um acordo com a equipe mineira para seguir sua carreira.

Halef rodou por Ipatinga, retornou ao Santa Cruz e por fim, conseguiu um acerto com o Berço, de Portugal, da terceira divisão do país europeu. Porém, o bom desempenho na Terrinha lhe rendeu um contrato com o Mito Hollyhock, que disputa da J League 2, do Japão,

O atacante, de 26 anos, reconstrói sua carreira no Japão e já apresenta bons números: em 18 jogos pelo Mito, fez cinco gols e deu uma assistência, em 486 minutos jogados pela equipe nipônica.

O empréstimo feito pelo Berço é válido até o fim deste ano e o momento de Halef na Terra do Sol Nascente deve credenciá-lo a seguir no Japão para outra temporada, ajudando sua equipe a se manter na J League 2, e em 2021 buscar o acesso à elite do futebol japonês.

comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia