Terra

manoapontamauropimentelterra

Sem acordo com o Consórcio Maracanã S.A., o Flamengo vai jogar três de seus mandos de campo em Brasília, no Estádio Mané Garrincha. O clube rubro-negro carioca viaja no dia 5 de julho e só retorna à cidade no dia 18.

O grupo enfrenta o Coritiba pelo Campeonato Brasileiro, no dia 6 de julho, no Mané Garrincha, em Brasília, e em seguida voa para Maceió. Depois, viaja até Arapiraca, onde joga contra o ASA, pela Copa do Brasil. De Alagoas o grupo volta para a capital federal, onde enfrenta o Vasco da Gama, no dia 14 de julho, pelo Brasileiro e o ASA de Arapiraca, no dia 17 de julho, no jogo de volta pela Copa do Brasil.

O meia-atacante Gabriel lamentou não poder jogar no Maracanã e se disse conformado em jogar no Mané Garrincha. “Todo mundo quer usar e jogar no Maracanã. Ainda mais sabendo que é a casa do Flamengo. Mas como ainda não tem condições, não podemos reclamar. O estádio em Brasília é excelente. Todos sempre querem jogar no Maracanã, mas como não tem condições, o de Brasília está muito bom”, disse o atleta.

Para o jogador. as constantes viagens não chegam a ser um problema. Gabriel ainda lembrou o fato da equipe ser bem recebida quando joga na capital federal. “Na minha opinião, as viagens não desgastam em campo. Quando você entra focado, dando o melhor, não atrapalha em nada. Sabemos que o Fla joga em casa em qualquer lugar. Eu me senti muito bem jogando lá e fomos sempre bem recebidos”, finalizou.