WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
novo uniao supermercados








junho 2024
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

drupal counter

:: ‘Paraná’

Súmula aponta que Jacuipense mandou jogador suspenso a campo; Paraná quer vaga

Galáticos Online

nadson(1)

O Paraná quer tirar a vaga da Jacuipense na Copa do Brasil. O time tricolor, que perdeu nos pênaltis após ser derrotado por 1 a 0 no tempo normal, vai tentar se valer de uma ocorrência registrada na súmula pelo árbitro da partida, Flávio Henrique Ribeiro Teixeira, que relatou uma irregularidade de um dos atletas da equipe baiana.

De acordo com o árbitro, o zagueiro Luciano estaria suspenso e não poderia atuar, a mas a Jacuipense o mandou a campo mesmo sendo avisada do problema.

“Informo que o atleta manoel luciano carneiro dos santos, número 03 da equipe jacuipense constava com restrição “atleta com suspensão pendente – stjd”. a equipe foi informada em tempo hábil e sua presença foi confirmada pelo sr. clayton mendes da silva, rg 917289676, auxiliar técnico”, escreveu o árbitro.

A imprensa paranaense já adiantou que o tricolor vai mesmo tomar medidas jurídicas, afim de conseguir passar para a segunda fase e enfrentar o Náutico, tarefa que atualmente cabe a Jacuipense.

Os paranaenses vão tentar enquadrar a Jacuipense no artigo 214 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD):

Incluir atleta que não tenha condição legal de participar de partida, prova ou equivalente. PENA: perda do dobro do número de pontos previstos no regulamento da competição para o caso de vitória e multa de R$ 5 mil a R$ 50 mil.

468x60_simonassi127

Paraná busca embalo na Série B diante do Boa Esporte

Gazeta Esportiva

t_114454_dsfsfd

Em busca de reação na Série B do Campeonato Brasileiro para não deixar os líderes se distanciarem demais, o Paraná Clube só pensa na vitória para receber o Boa Esporte, nesta sexta-feira, às 21 horas (de Brasília), na Vila Capanema. As equipes estão em posições intermediárias na tabela de classificação e fazem um duelo direto para não começarem a se complicar cedo demais.

Pressionado, o técnico Claudinei Oliveira precisa mostrar serviço diante do torcedor, que ainda não viu uma vitória paranista em seus domínios na competição. Os zagueiros Anderson Rosa e Gustavo, o lateral esquerdo Breno e o meia Juliano Mineiro são as novidades que o treinador terá como opção, embora apenas o primeiro deva voltar naturalmente à posição de titular. Em compensação, o atacante Giancarlo será reavaliado após sentir uma lesão na coxa direita e é dúvida para entrar em campo.

Ansioso para vestir novamente a camisa tricolor após oito anos, Gustavo espera ter uma chance para ajudar o time a encaixar uma sequência de vitórias até a parada para a disputa da Copa do Mundo. “Temos seis partidas até a Copa, quatro em casa. Temos que fazer de tudo para vencer e se distanciar lá de trás. Temos que vestir essa camisa que conheço bem e fazer de tudo para ser um Paraná forte”, avaliou.

Embalado pela vitória sobre a Portuguesa, o Boa Esporte, com os mesmos quatro pontos ganhos na classificação, tem também objetivo semelhante, ou seja, embalar de vez. Feito o dever de casa, agora a missão é pontuar como visitante. O técnico Nêdo Xavier deve manter a mesma base que encarou a Lusa, já que desta vez o sistema ofensivo funcionou, acertando as finalizações.

Perfeita nos pênaltis, Ponte Preta supera Paraná e se classifica

r7

t_113633_contestado-na-segunda-etapa-edno-foi-substituido-e-nao-participou-dos-penaltis-foto-pontepress-victor-hafner

A Ponte Preta conquistou sua vaga na terceira fase da Copa do Brasil. Na noite desta terça-feira, a Macaca repetiu o placar de 1 a 1 diante do Paraná, no estádio Moisés Lucarelli, mas triunfou sobre o Tricolor na disputa por pênaltis, por 8 a 7.

No tempo normal, Alex Créu marcou o gol mandante, ao passo que Lúcio Flávio, em cobrança de falta, decretou a igualdade.

Com o resultado, o clube de Campinas aguarda o vencedor de Vasco e Treze-PB para iniciar sua caminhada na terceira fase da competição. No estágio inaugural, a vítima alvinegra foi o Náutico-RR.

Paraná tropeça em casa e perde para o Joinville

Gazeta Esportiva

jaelabracocleberyamaguchiagenciaelevengazeta

O Paraná Clube não conseguiu repetir o mesmo desempenho da estreia na Série B do Campeonato Brasileiro e conheceu a primeira derrota, por 3 a 2, diante do Joinville, em plena Vila Capanema, desperdiçando a chance de assumir a liderança. A equipe catarinense, por sua vez, deu um salto na classificação e ainda espera os pontos da polêmica partida que não aconteceu diante da Portuguesa.

O JEC saiu na frente, aos 10 minutos, com Edigar Junio, que aproveitou bom lançamento e a indecisão da defesa para tocar para as redes e abrir o placar. Aos 20 minutos, com um belo chute da entrada da área, Jael fez o segundo. Giancarlo, aos 31 minutos, descontou e sete minutos depois deixou tudo igual. Após o intervalo, Jael, aos cinco minutos, fez mais um.

Na próxima rodada, o Paraná Clube volta a campo na sexta-feira, quando encara o Santa Cruz, no Estádio do Arruda, no Recife. Já o Joinville terá pela frente o Icasa, no mesmo dia, na Arena Joinville.

468x60_simonassi127

Ponte Preta enfrenta Paraná pela segunda fase da Copa do Brasil

Lancenet

Parana-Ponte-Preta-INTERNA_LANIMA20140421_0112_24

Paraná e Ponte Preta medem esforços, na noite desta terça-feira, às 19h30, na Villa Capanema, em Curitiba. No primeiro confronto entre a Macaca e o Tricolor, válido pela segunda fase da Copa do Brasil, as equipes se enfrentarão pelo jogo de ida na competição nacional.

Os dois times que estão disputando a Série B do Campeonato Brasileiro iniciaram a disputa invictos. O Paraná venceu como visitante o Sampaio Corrêa, por 2 a 0, enquanto a Ponte somente empatou na estreia por 1 a 1, contra o Icasa, jogando em Campinas.

O Paraná terá a vantagem de jogar diante de sua torcida e conquistar vantagem para o segundo jogo. Já a Ponte Preta, caso vença por mais de um gol de diferença, elimina a partida de volta e estará classificada para a próxima fase da competição.

Com gol de bicicleta, Paraná vira e vence São Caetano

Terra

Após duas vitórias consecutivas, o São Caetano foi superado pelo Paraná por 2 a 1 na noite desta sexta-feira (28), na Vila Capanema, em jogo válido pela Série B do Campeonato Brasileiro. Sem a vitória, o time paulista agora torce por tropeços dos rivais para se manter no G4 ao término desta 27ª rodada.

O São Caetano abriu o placar logo aos 7min do primeiro tempo. Danielzinho lançou para Éder, que finalizou de primeira na saída do goleiro Thiago Rodrigues. O empate do Paraná veio seis minutos depois, após cobrança de falta indefensável de Lucio Flavio. Depois do início intenso, o São Caetano só foi ameaçar aos 25min. Marcelo Costa cruzou para a área, mas Thiago Rodrigues defendeu e Anderson afastou a bola da área. Aos 30min, Lucio Flavio cobrou falta fechada, Anderson cabeceçou sozinho, mas a bola esbarrou na defesa.

O gol da virada do Paraná veio aos 35min. Fernandinho cruzou pela direita e o zagueiro Alex Alves fez um lindo gol de bicicleta. Logo no primeiro minuto da etapa final, Éder cobrou falta e a bola passou perto do travessão de Thiago Rodrigues. Depois de lance, a partida ficou morna, sem nenhuma grande chance para ambos os times, selando o triunfo a favor do Paraná.

Com a vitória, o Paraná chegou aos 35 pontos, na 12ª colocação. Já o São Caetano permanece em quarto lugar, mas pode ser superado por Joinville e Atlético-PR, que jogam amanhã.

Paraná é derrotado pelo Joinville na estreia de Toninho Cecílio

Gazeta Esportiva

O técnico Toninho Cecílio não teve a esteia que gostaria no Paraná Clube. O time foi a Santa Catarina enfrentar o Joinville e perdeu pro 3 a 1, na Arena Joinville, ficando em situação preocupante na Série B do Campeonato Brasileiro, sete pontos à frente da zona de rebaixamento. O JEC, por sua vez, com 44 pontos, volta a encostar nos líderes.

A equipe catarinense não deu tempo nem para o adversário se colocar em campo e, com um minuto, abriu o placar com Marcinho, que invadiu a área e tocou no cantinho para balançar as redes. Lima aumentou a vantagem aos seis minutos, aproveitando cruzamento de Romano. Os visitantes descontaram com Arthur, aos 36 minutos. Depois do intervalo, Lima, aos quatro minutos, fez o terceiro.

Na próxima rodada, o Joinville enfrenta o Boa Esporte, terça-feira, novamente na Arena, em Santa Catarina. Já o Paraná Clube recebe o São Caetano, sexta-feira, na Vila Capanema.

Paraná decepciona e fica só no empate diante do lanterna Barueri

Terra

O Paraná Clube recebeu o lanterna Grêmio Barueri na Vila Capanema e não passou de um empate em 1 a 1, seguindo estacionado na 12ª posição na classificação da Série B do Campeonato Brasileiro, cada vez mais afastado do acesso. Do outro lado, o técnico Roberto Cavalo mudou cinco titulares para começar a colocar sua filosofia de jogo, e conseguiu arrancar pelo menos um ponto fora, mas nada que resolva a situação.

O Barueri abriu o placar aos 27min da primeira etapa, com Alex Lima, que aproveitou cobrança de escanteio para desviar de cabeça para as redes. Fernandinho deixou tudo igual aos 40min. p>Na segunda etapa, o Barueri voltou com Márcio Pit no lugar de Douglas Marques. A partida era truncada, com muita marcação no meio. Aos 5min, Lúcio Flávio, sem conseguir penetrar na defesa paulista, arriscou de longe para defesa de Fernando Leal. O goleiro voltou a trabalhar bem aos 8min, em chute de Luisinho.

O clube tricolor até criou oportunidades para virar, mas voltou a mostrar fragilidade nas finalizações e a partida terminou na igualdade por um gol.

Na próxima rodada, o Paraná Clube enfrenta o Joinville, sexta-feira, na Arena Joinville, em Santa Catarina. Já o Grêmio Barueri terá pela frente o Boa Esporte, sábado, na Arena Barueri, em São Paulo.

Paraná bate o Bragantino e reencontra o caminho das vitórias

r7

O Paraná Clube acabou com o jejum de vitórias na Série B do Campeonato Brasileiro ao bater o Bragantino por 2 a 0, na Vila Capanema, voltando avançar na classificação, aos com 32 pontos, longe da zona de rebaixamento. O mesmo destino não teve o time paulista, que segue na penúltima colocação.

O Tricolor abriu o placar aos 18 minutos da primeira etapa, com Luisinho que recebeu cruzamento e desviou para as redes. Aos 34 minutos, e cabeça, Alex Alves ampliou a vantagem. Depois do intervalo, quatro expulsões e nada de gols, mas o suficiente para a equipe da casa voltar a vencer após seis jogos.

Na próxima rodada, o Paraná Clube terá pela frente o Guaratinguetá, terça-feira, no Estádio Martins Pereira, em São José dos Campos. Já o Bragantino encara o América-RN, no mesmo dia no Estádio Nabi Abi Chedid, em Bragança Paulista.

ASA sai na frente, mas acaba empatando com o Paraná Clube

Arena Nordeste

No complemento da décima-oitava rodada do Brasileirão da Serie B, o ASA ficou apenas no empate em 1 a 1 com o Paraná Clube e desperdiçou uma boa oportunidade de se afastar da degola na competição nacional.

Mesmo assim, o time comandado por Nedo Xavier chega aos 18 pontos e consegue abrir uma vantagem de 3 sobre o Bragantino, 17º colocado.

Agora, as duas equipes se preparam para a rodada de clássicos no próximo sábado (25). Enquanto o Paraná recebe o Atlético-PR, o ASA vai até Maceió onde enfrenta o CRB.













comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia