WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
novo uniao supermercados








junho 2024
D S T Q Q S S
« maio    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

drupal counter

:: ‘Botafogo’

Renê Simões confirma que gostaria de treinar o Glorioso

Futnet

Índice

Um dos nomes especulados como possível técnico do Botafogo para 2015, Renê Simões garantiu que gostaria de comandar o clube mesmo estando na Série B do Campeonato Brasileiro. O veterano é cogitado ao lado de nomes como Argel Fucks, Joel Santana, Gilson Kleina e Guto Ferreira, mas ainda não há definição da diretoria sobre o cargo.

“Quem não quer dirigir o Botafogo? Time de Didi, Zagallo, Garrincha, quem não quer dirigir um clube desses? O que eu quero é estar nas quatro linhas em 2015. Não sei de nada ainda, mas quero voltar a ser técnico à beira do campo, em 2015. Eu me considero um treinador melhor hoje”, contou o treinador ao jornal ‘Extra’.

Embora tenha feito a maior parte da carreira como técnico, Renê passou recentemente pelo São Paulo e pelo Vasco como executivo de futebol. Ele tem currículo extenso desde que começou treinando o Serrano/RJ em 1978: entre os principais trabalhos, já esteve em seleções de base do Brasil e do Irã, nas seleções adultas de Jamaica, Trinidad Tobago, Honduras, Costa Rica e a feminina do Brasil, em clubes dos Emirados Árabes, do Qatar e de Portugal, além de Fluminense, Olaria, Portuguesa, Bahia, Ponte Preta, Vitória, Santa Cruz, Coritiba, Ceará e Atlético Goianiense.

Em papéis inversos, Flu e Bota travam duelo visto como crucial por G-4 e Z-4

Globo Esportes

t_133085_dysagfuygydus

Fluminense e Botafogo esperam muita coisa deste sábado à noite. Vencer o clássico de 19h30 (de Brasília) significa se manter no páreo pelo objetivo de cada um na reta final do Campeonato Brasileiro. A ambição tricolor de conquistar uma vaga na Libertadores passa muito pelos três pontos, distância que seus concorrentes diretos têm de vantagem – a equipe de Cristóvão Borges pode até voltar ao G-4 nesta rodada em caso de uma combinação de resultados. Já o alvinegro, estacionado na zona de rebaixamento há nove rodadas, sequer tem chance de sair do Z-4 no fim de semana, já que Vitória e Chapecoense fazem um confronto direto. Mas tenta respirar o ar rarefeito de esperança – segundo o matemático Tristão Garcia, o risco de degola do time de Vagner Mancini é de 81%. Um deles, porém, vai ter sua meta de salvar o ano mais distante com uma nova derrota a quatro rodadas do fim. Ou os dois, caso aconteça um empate, que seria ruim a ambos os lados.

E os protagonistas do clássico vovô se reencontram nas rodadas finais do Brasileiro em papéis invertidos em relação ao ano passado. Na mesma 34ª, em 2013, o Botafogo era o quinto colocado, lutava por uma vaga na Libertadores, o que acabou se concretizando. Já o Fluminense estava em 16º, a uma posição da degola. Acabou rebaixado, mas se livrou da queda com a perda de pontos da Portuguesa pela escalação de Héverton de forma irregular.

Pressionado, Botafogo recebe tranquilo Atlético-PR em Volta Redonda

Gazeta Esportiva

t_132366_amargando-a-18-posicao-na-tabela-o-glorioso-precisa-vencer-para-sair-da-zona-de-rebaixamento

Pressionado pela necessidade de vencer para deixar a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, onde ocupa a 18ª posição na tabela com 33 pontos, o Botafogo recebe o Atlético-PR neste sábado, às 21h (de Brasília), no Estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda (RJ), em duelo válido pela 33ª rodada. Após a derrota de 2 a 1 para o Cruzeiro, o Glorioso se viu em uma situação em que precisa da vitória em pelo menos quatro dos seis jogos restantes. Já o Furacão, embalado pelo 1 a 0 aplicado no Atlético-MG no último fim de semana, é o nono colocado com 43 pontos e navega em mares tranquilos, pois não tem muitas chances de jogar a Libertadores, mas, em compensação, o risco de queda para a segunda divisão é mínimo.

A pressão pela necessidade de ter um desempenho de campeão nas últimas rodadas realmente pesa para o Botafogo. Mas seus jogadores fogem das contas e preferem focar apenas no próximo jogo. “Temos condições de escapar do rebaixamento, mas não podemos ficar fazendo contas. Temos que ir a campo e fazer a nossa parte. Se ganharmos o próximo jogo a distância para a pontuação necessária vai cair ainda mais”, analisou o goleiro Jéfferson.

Muito próximo de seu principal objetivo – ou pelo menos o que lhe restou – no Brasileirão, o Atlético Paranaense, com 43 pontos, precisaria hoje de apenas mai suma vitória para se livrar de vez de qualquer risco de rebaixamento e consolidar sua posição entre os 10 primeiros na classificação.

Impiedoso, Santos atropela Botafogo e encara Cruzeiro nas semifinais

Gazeta Esportiva

t_130335_atacante-gabriel-deixou-sua-marca-na-classificacao-do-santos-pela-copa-do-brasil

O Santos não tomou conhecimento do Botafogo na noite desta quinta-feira, no Pacaembu. Mesmo após ter vencido no Maracanã por 3 a 2, o Peixe partiu para cima desde o apito inicial e fez 3 a 0 logo no primeiro tempo com Gabriel, David Braz e Lucas Lima. Na etapa complementar, o zagueiro santista voltou a marcar e Geuvânio fechou a goleada por 5 a 0. O resultado confirmou o time de Enderson Moreira nas semifinais da Copa do Brasil com um placar agregado de 8 a 2.

Agora, a missão fica mais complicada. Para ir à decisão, o alvinegro praiano terá que superar o poderoso Cruzeiro em mais dois confrontos diretos. A Raposa avançou depois de eliminar o ABC de Natal, mas vive seu pior momento desde o início da temporada, com três derrotas seguidas, somando o Campeonato Brasileiro. Do outro lado da chave, Flamengo e Atlético-MG, que desclassificaram América-RN e Corinthians, respectivamente, fazem clássico. O sorteio que definirá as datas e a ordem dos mandos acontece nesta sexta-feira, as 14 horas.

Sem tempo para comemorar a classificação e a atuação de gala, o time de Vila Belmiro já se prepara para o clássico contra o Palmeiras, no mesmo Pacaembu, as 16 horas de domingo. Enquanto isso, o Botafogo junta os cacos para receber o Sport no mesmo dia, mas as 18h30.

Em crise financeira, Santos e Botafogo jogam para salvar o ano na Copa BR

Uol

wallyson-tenta-driblar-mena-no-duelo-pela-dopa-do-brasil-no-maracana-1412205662205_615x300

O duelo entre Santos e Botafogo nesta quinta-feira, às 21h30 (de Brasília), no estádio do Pacaembu, válido pelas quartas de final da Copa do Brasil, vale muito mais que a classificação para a semifinal. Em crises financeiras e sem títulos conquistados nesta temporada, os dois clubes querem salvar o ano conquistando a segunda competição nacional mais importante do país.

A classificação para a próxima fase na Copa do Brasil é vista pelos clubes como uma forma de atrair mais patrocinadores e, com isso, fortalecer o fluxo de caixa. O Santos, por exemplo, já atrasou cinco dos dez meses de salário neste ano. No mês passado, o clube pagou dois meses de direitos de imagem (maior parte) e um mês na CLT (Consolidação das Leis de Trabalho), popularmente conhecida como carteira profissional, além de premiações.

O Botafogo, por sua vez, tem 100% de suas receitas penhoradas pela falta de pagamento de tributos, o clube vive asfixia financeira. Já são três meses de salários atrasados em carteira e outros sete de vencimentos referentes a direitos de imagem. Torcedores ilustres da equipe alvinegra entraram ação em meio a crise e reuniram recursos para custear os valores dos jogadores do elenco, mas a crise continua.

Botafogo empata com o Criciúma e deixa a zona de rebaixamento

CBF

20140921012552_0

Dois jogos foram realizados neste sábado, pela 23ª rodada da Série A do Campeonato Brasileiro. Fora de casa, o Botafogo marcou com Zeballos, empatou com o Criciúma em 1 a 1, e deixou a zona de rebaixamento, somando 23 pontos e chegando à 15ª posição. Os donos da casa, que fizeram seu gol com Paulo Baier, estão em 18º, com 21.

Em Curitiba, o Internacional venceu o Atlético-PR por 1 a 0, gol de Rafael Moura. Com o resultado, os gaúchos seguem na terceira posição, com 41 pontos. O clube do Paraná é o 11º, com 28.

A 23ª rodada será completada neste domingo, com Vitória x Bahia, Flamengo x Fluminense, Corinthians x Palmeiras, Cruzeiro x Atlético-MG, Sport x Coritiba, Goiás x Palmeiras, Santos x Figueirense e Grêmio x Chapecoense.

outdoor_pq

Botafogo visita sensação Ceará precisando da vitória

Terra

jeffersondefendebrunodelimaal

Líder da Série B do Campeonato Brasileiro e jogando um futebol eficiente na Copa do Brasil. Esse é o Ceará, desafio do Botafogo nesta quarta-feira, às 22h(de Brasília), na Arena Castelão, em Fortaleza (CE), em confronto válido pela rodada de volta das oitavas de final do torneio. Na ida os cearenses, mesmo preservando alguns titulares, arrancaram uma vitória por 2 a 1 no Rio de Janeiro e agora jogam pelo empate. Aliás, o Vozão pode até mesmo perder por 1 a 0, já que os tentos anotados como visitante valem para critério de desempate. Aos cariocas resta devolver o 2 a 1 e forçar a disputa de pênaltis ou ganhar por dois ou mais gols de vantagem. Triunfo por um gol de diferença também serve aos botafoguenses, mas a partir de 3 a 2.

O Botafogo ganhou novo ânimo para este jogo após vencer o Santos por 1 a 0, no domingo, pelo Campeonato Brasileiro. O resultado fez o time se distanciar um pouco mais da zona de rebaixamento.

“Nós acreditamos que podemos conseguir a classificação, mesmo reconhecendo que o Ceará tem um time de muita qualidade e que fez um grande jogo no Rio de Janeiro, o que não chega a surpreender pela boa temporada que vem conseguindo. Mas o Botafogo demonstrou contra o Santos um futebol muito eficiente e também pode sonhar com o posto nas quartas de final. Acredito em um duelo muito equilibrado, mas podemos voltar do Ceará classificados”, disse Vagner Mancini, técnico do Botafogo.

Pelo lado do Ceará, dessa vez Sérgio Soares não pretende preservar titulares e deverá mandar a campo a equipe que no fim de semana derrotou o Luverdense por 3 a 1 e se consolidou como líder da Série B.

O classificado deste duelo vai enfrentar na próxima fase o ganhador do encontro entre Santos e Grêmio. Na ida o Peixe ganhou por 2 a 0 e a partida de volta, que aconteceria nesta quarta-feira, foi suspensa por conta dos atos de racismo contra o goleiro Aranha que aconteceram no primeiro jogo, no Rio Grande do Sul. O caso será julgado e o Tricolor gaúcho pode ser punido com a eliminação.

Botafogo sai na frente, mas cede empate ao líder Cruzeiro

Gazeta Esportiva

t_122963_com-uma-cabecada-precisa-edilson-cabeceou-firme-para-marcar-o-gol-do-botafogo-contra-o-cruzeiro

Botafogo e Cruzeiro empataram por 1 a 1 em partida disputada na noite deste sábado, no Maracanã. O resultado manteve a equipe mineira na liderança do Campeonato Brasileiro, com 29 pontos ganhos, enquanto o Alvinegro carioca chegou aos 13 pontos e permaneceu na 13ª posição.
Em grave crise financeira, o Botafogo mostrou muito espírito de luta para segurar a pressão do Cruzeiro, que teve o domínio durante a maior parte do jogo, mas encontrou um adversário determinado a vender caro a derrota. Além disso, o goleiro Jefferson apareceu muito bem, com grandes defesas, principalmente no final da partida. Os gols foram marcados por Edilson, no primeiro tempo, para o Botafogo, e Léo,na segunda etapa, para o Cruzeiro.

Centenas de torcedores entraram no Maracanã sem pagar, por causa de problemas nas catracas do estádio. A torcida alvinegra levou faixas apoiando os jogadores, que estão com salários atrasados, mas criticando a diretoria.

Na próxima rodada, o Botafogo enfrentará o Atlético Paranaense, em Curitiba. O Cruzeiro vai encarar o Criciúma, no Heriberto Hülse.

Botafogo e Kadija ficam no empate no municipal na manhã deste domingo

Por Luciano Pina

DPP_0010

As equipes do Botafogo e Kadija ficaram no empate pelo escore de 1 a 1, na manhã deste domingo (27), pelas quartas de final do Campeonato Municipal de Futebol.

Adson cobrando pênalti no inicio da primeira etapa abriu o placar para o Kadija, Henrique no finalzinho ainda do primeiro tempo empatou. Na segunda etapa, o Botafogo criou várias chances de gol, mas ficou nas boas defesas do goleiro Nelson.

Os dois times voltam a jogar no próximo dia 9/8. O Kadija joga pelo empate para ficar com a vaga.

Na preliminar, o União derrotou o Bahia, pelo placar de 2 a 1, pela segundona.

outdoor_pq

Santa Cruz vence Botafogo-PB, avança na Copa do Brasil

Diário de Pernambuco

20140723235931745915u

Não havia ninguém para aplaudir. Ninguém para vaiar as ainda visíveis falhas do Santa Cruz. Cumprindo a última punição pela morte do torcedor Paulo Ricardo Gomes da Silva no seu estádio, em 2 de maio, o Tricolor atuou com os portões do José do Rêgo Maciel fechados.

O Arruda não pulsava. Morto para receber um jogo igualmente gélido. O time de Sérgio Guedes, porém, conseguiu avançar para a terceira fase da Copa do Brasil. Venceu o Botafogo da Paraíba por 2 a 1 nesta quarta-feira, abocanhou uma premiação bem-vinda de R$ 430 mil e retomou as vitórias depois das duas derrotas seguidas do pós-Copa.

Volta à Série B no próximo sábado aliviado. E com Léo Gamalho pondo fim ao seu jejum ao ter feito os dois gols dos pernambucanos.













comercial tommacon



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia